Serviço Diocesano da Catequese

sexta-feira, 16 de julho de 2021

Programação do ano pastoral 2021+22



Ao aproximar-se o final deste ano pastoral, o Serviço Diocesano de Catequese elaborou os habituais materiais de apoio para a planificação do próximo ano catequético. Mesmo que algumas atividades possam sofrer alterações ou cancelamentos, neste momento apresenta-se o plano e programa tendo em conta o tema deste segundo ano do triénio que a diocese de Leiria-Fátima irá dedicar à "Eucaristia, Comunidade Cristã e Missão".

Está já elaborado o Plano e programa para 2021+22 e o Calendário das Atividades, assim como o documento para o Planeamento das Catequeses e a Agenda do Catequista.

Está também disponível para consulta o Relatório das Atividades de 2020+21.

Todos os materiais poderão ser descarregados em formato editável ou em PDF a partir da PASTA acessível através da página do SDC.

Ano Pastoral 2021+22:
- Plano e programa de atividades [PDF]
- Calendário geral [Word] [PDF]
- Planeamento das catequeses [Word] [PDF]
- Agenda do Catequista [Word] [PDF]
- Itinerário de reflexão e oração para as reuniões de catequistas [Word] [PDF]

quarta-feira, 7 de julho de 2021

Faz Missão: Dia Mundial dos Avós e Idosos


«Faz Missão» é a proposta para os jovens que, nesta segunda edição, no contexto do primeiro Dia Mundial dos Avós e dos Idosos (25 de julho), procura unir a ação missionária dos jovens rumo às JMJ 2023 à interação com os idosos, acolhendo deles histórias e testemunhos de vida inspiradores.

A proposta promovida pelo Serviço Diocesano da Pastoral Juvenil apresenta os diversos passos para a sua concretização, que passa por procurar um avô ou uma avó, ou um idoso, nas vizinhanças, e marcar uma hora nos dias 24 ou 25 de julho para uma conversa. Explicar que o Papa Francisco instituiu um dia dedicado aos mais idosos, e que os jovens têm muito a aprender com os mais antigos. Disponibilizam-se algumas questões que podem ajudar a viver este encontro que os jovens são convidados a fazer com a camisola de “Missionário JMJ” vestida (t’shirt com o logo da JMJ 2023), e termina com a oração para o Dia Mundial dos Avós e Idoso, e uma fotografia em conjunto para publicar nas redes sociais.

A proposta da atividade com todos os pormenores está disponível AQUI.

Todos os materiais de divulgação estão disponíveis AQUI.

segunda-feira, 21 de junho de 2021

Curso Geral de Catequistas em Fátima

23 a 28 de agosto de 2021
Centro Catequético - Fátima

Com o objetivo de ajudar os catequistas a aprofundarem a fé e a sua formação inicial, e de proporcionar uma preparação geral para o desempenho adequado da sua missão na Igreja, o Centro Catequético das Missionárias Reparadoras do Sagrado Coração de Jesus, com a colaboração do Serviço Diocesano da Catequese de Leiria-Fátima, organiza o Curso Geral intensivo.

O Curso Geral realiza-se em duas etapas de sete dias cada uma, em dois anos consecutivos, sempre uma semana no final do mês de Agosto. Este ano, de 23 a 28 de agosto, terá lugar a formação da Catequética, e da Pedagogia da Fé, além de trabalhos práticos de catequese. Após ter sido cancelada no passado ano de 2020, vai agora procurar retomar a formação, tendo em conta todas as regras necessárias devido à pandemia.

Os catequistas que tenham concluído o Curso de Iniciação e possuam alguma experiência de catequese, podem inscrever-se até ao final do mês de junho.

Desdobrável com todas as informações e ficha de inscrição AQUI.

segunda-feira, 24 de maio de 2021

"Vitaminas de Esperança" na peregrinação das crianças a Fátima


O Santuário de Fátima propõe uma "peregrinação pelo coração" para as crianças que, devido à situação sanitária, ainda não vão poder reunir-se presencialmente na Peregrinação Nacional das Crianças, que habitualmente se realiza no dia 10 de junho. As palavras de Nossa Senhora a Lúcia, na aparição de 13 de junho, “E tu, sofres muito? Não desanimes. O meu imaculado coração será o teu refúgio e o caminho que te conduzirá a Deus”, são o ponto de partida para a esperança que orienta esta proposta.

Partindo da história de Fátima, contada por Lúcia, as crianças são convidadas a jogar em familiar com as “Vitaminas de Esperança”, um jogo de tabuleiro que “pretende ajudar, neste tempo de pandemia, a crescer com Lúcia, Francisco e Jacinta na esperança de Deus e a levá-la aos outros".

Em cada semana, até ao dia 10 de junho, vão ser disponibilizados na página do Santuário, prontos a descarregar e a imprimir, o tabuleiro do jogo em partes sucessivas (uma parte do tabuleiro por semana) e os respetivos materiais de “Vitaminas de Esperança”: folha de instruções, peões, um dado, cartões das casas-desafio, estrelas da esperança e uma folha com indicação para as casas Altos & Baixos.

No dia 10 de junho haverá a transmissão em direto das celebrações da Peregrinação das Crianças através dos canais digitais do Santuário de Fátima, e o desvendar do mistério da última casa do jogo "Vitaminas de Esperança".

Os materiais estão prontos para descarregar na página do Santuário (AQUI), onde também se pode visualizar o vídeo que lança esta proposta.


terça-feira, 11 de maio de 2021

Catequese e Família: apresentação de projetos de catequese

28 de maio | 21h | Online

Apresentação dos projetos da CATEQUESE FAMILIAR
e da ESCOLA PAROQUIAL DE PAIS

Dia 28 de maio, sexta-feira, às 21h, o Serviço Diocesano de Catequese de Leiria-Fátima promove um encontro de formação online para a apresentação dos projetos da Catequese Familiar e da Escola Paroquial de Pais.

Convidam-se, para este serão, os párocos, catequistas, pais e outros agentes de pastoral que possam estar interessados em conhecer melhor estas propostas que procuram envolver as famílias na dinâmica das catequeses das crianças.

Para participar, é obrigatória a inscrição, que deve ser feita até ao dia 26 de maio NESTE FORMULÁRIO.


Catequese Familiar
A Catequese Familiar vem reformular a iniciação cristã das crianças, saindo do esquema escolar, envolvendo os pais e valorizando o domingo. É um itinerário estruturado por etapas (meses: de Outubro a Julho) e cada etapa articulada em quatro semanas: 1ª Semana – Em Casa (Diálogo em família); 2ª Semana – Na paróquia (Encontro de pais); 3ª Semana – Em Casa (Diálogo em família); 4ª Semana – O Domingo em família (Encontro de Pais / Catequese das crianças).

Escola Paroquial de Pais
A Escola Paroquial de Pais é um projeto, acessível e prático, inspirado num modelo de catequese de adultos, especialmente direcionado para os pais que pedem a educação cristã dos seus filhos. Nasce da necessidade sentida, por catequistas e famílias, de aproximação e colaboração mútua, favorecendo as competências educativas dos pais e outros familiares. Para cada ano da infância, estão preparados 6 encontros de formação para os pais (publicados pelo SNEC em dois volumes), a realizar ao longo do ano pelo catequista que acompanha o grupo ou outro animador paroquial.



segunda-feira, 10 de maio de 2021

Papa institui o ministério laical de Catequista

«Ministério antigo é o de Catequista na Igreja», são as palavras iniciais da Carta Apostólica sob Motu Proprio, em latim «Antiquum Ministerium», que dão o nome a este documento pelo qual o Papa Francisco declara que em virtude da autoridade apostólica, institui o ministério laical de Catequista.

Reconhecendo que já nos escritos do Novo Testamento se podem encontrar os primeiros exemplos de catequistas, ou mestres, e que «desde os seus primórdios, a comunidade cristã conheceu uma forma difusa de ministerialidade, concretizada no serviço de homens e mulheres que, obedientes à ação do Espírito Santo, dedicaram a sua vida à edificação da Igreja», entre os quais «a presença concreta de batizados que exerceram o ministério de transmitir, de forma mais orgânica, permanente e associada com as várias circunstâncias da vida, o ensinamento dos apóstolos e dos evangelistas» (nº 2), o Papa Francisco apresenta resumidamente toda a obra de evangelização que foi exercida pelos catequistas ao longo da história da Igreja.

Olhando a realidade atual, e os desafios que ela lança à Igreja, reforça a importância do apostolado laical: homens e mulheres, chamados pelo Espírito, e enviados «para irem ao encontro de tantas pessoas que esperam conhecer a beleza, a bondade e a verdade da fé cristã». Na globalidade da tarefa evangelizadora da Igreja, o Catequista tem uma função peculiar, pois «é chamado, antes de mais nada, a exprimir a sua competência no serviço pastoral da transmissão da fé que se desenvolve nas suas diferentes etapas: desde o primeiro anúncio que introduz no querigma, passando pela instrução que torna conscientes da vida nova em Cristo e prepara de modo particular para os sacramentos da iniciação cristã, até à formação permanente que consente que cada batizado esteja sempre pronto «a dar a razão da sua esperança a todo aquele que lha peça» (cf. 1 Ped 3, 15). O Catequista é simultaneamente testemunha da fé, mestre e mistagogo, acompanhante e pedagogo que instrui em nome da Igreja. Uma identidade que só mediante a oração, o estudo e a participação direta na vida da comunidade é que se pode desenvolver com coerência e responsabilidade» (nº 6).

O Papa Francisco lembra ainda que «este ministério possui uma forte valência vocacional, que requer o devido discernimento por parte do Bispo e se evidencia com o Rito de instituição. De facto, é um serviço estável prestado à Igreja local de acordo com as exigências pastorais identificadas pelo Ordinário do lugar, mas desempenhado de maneira laical como exige a própria natureza do ministério. Convém que, ao ministério instituído de Catequista, sejam chamados homens e mulheres de fé profunda e maturidade humana, que tenham uma participação ativa na vida da comunidade cristã, sejam capazes de acolhimento, generosidade e vida de comunhão fraterna, recebam a devida formação bíblica, teológica, pastoral e pedagógica, para ser solícitos comunicadores da verdade da fé, e tenham já maturado uma prévia experiência de catequese. Requer-se que sejam colaboradores fiéis dos presbíteros e diáconos, disponíveis para exercer o ministério onde for necessário e animados por verdadeiro entusiasmo apostólico» (nº 8).

Assim, o Papa institui o ministério laical do Catequista (nº 8), dando indicações para que seja publicado o respetivo Rito de Instituição, e convida as Conferências Episcopais a estabelecer o itinerário formativo e os critérios normativos para o acesso ao mesmo e, assim, este ministério se torne uma realidade a nível local.

O documento «Antiquum Ministerium» pode ser lido na sua totalidade AQUI.

sexta-feira, 7 de maio de 2021

9 a 16 de maio: Semana da Vida

A Semana da Vida decorre de 9 a 16 de maio, com o tema “A vida que nos toca, a vida que sempre cuidamos”.

Na apresentação desta semana, o Assistente do Departamento Nacional da Pastoral Familiar (DNPF), afirma que "no contexto de pandemia que temos vivido, a nossa vida, marcada por tantas privações e dificuldades, veio mostrar-nos de forma mais clara a nossa fragilidade, mas por outro lado, conduziu-nos a saborear a vida como um bem tão precioso. Foi-nos possível redescobrir o sentido da família, onde a vida acontece, valorizar a importância dos amigos, quando tantas crianças e jovens se viram privados de se encontrarem, estimar o lugar dos idosos na família e na sociedade que marcados por uma profunda solidão, nos fizeram sentir a necessidade e o valor do encontro". Neste sentido, refere, esta Semana da Vida "há de tocar cada um de nós, a não perdermos tempo na vida, mas a gastarmos tempo uns com os outros. Temos tanto para dar e para receber. É urgente amarmos a vida mesmo no meio das dificuldades e das dores".

O DNPF disponibiliza diversos materiais de apoio para a vivência desta Semana: https://dnpf.pt/